Buscar
  • Dr. Huber Vasconcelos

Hemorragia vítrea: Quais as principais causas?

A hemorragia vítrea ocorre quando há um sangramento no humor vítreo (que é uma substância gelatinosa que fica na parte posterior do olho, entre o cristalino e a retina). Esta hemorragia é uma condição que pode ser causada por uma série de fatores. Vamos falar sobre alguns deles neste artigo.


Os principais sintomas de hemorragia vítrea são o embaçamento visual repentino e o aparecimento de moscas volantes. Em casos mais graves, quando há um sangramento muito intenso, a pessoa pode ter sua visão significativamente reduzida.


O diagnóstico é feito por meio de exame clínico (mapeamento de retina) com a pupila dilatada e uma ultrassonografia ocular pode auxiliar na avaliação de possíveis alterações associadas, como rotura ou descolamento de retina.


Entre as causas da hemorragia vítrea, podemos citar: descolamento do vítreo posterior, retinopatias proliferativas, traumas oculares, doenças sistêmicas (principalmente hematológicas), dentre outras.


Descolamento do Vítreo Posterior:

Pode estar associado a rasgos de retina ou à traçao de um vaso retiniano


Retinopatias proliferativas:

Doenças como a retinopatia diabética proliferativa, doença falciforme, doença de Eales, dentre outras doenças vasculares podem desencadear uma hemorragia vítrea.


Condições como macroaneurisma e hemangioma capilar podem ser assintomáticas e aumentar o risco de uma hemorragia vítrea secundária.


Trauma

Em caso de trauma contuso ou penetrante, a hemorragia vítrea pode ser uma complicação. É muito importante buscar atendimento oftalmológico de urgência nesses casos. Quanto antes o paciente for atendido, melhor é o prognóstico visual do paciente e a chance de tratar adequadamente complicações secundárias, como a hemorragia vítrea.


Doenças Sistêmicas

Diversas doenças podem desencadear alterações que levem à hemorragia vítrea. Essa complicação pode acompanhar desde quadros infecciosos, como alguns casos de tuberculose, como alterações hematológicas relacionadas a distúrbios de coagulação ou quadros oncológicos.


O tratamento da hemorragia vitrea vai sempre depender da causa associada, e o diagnóstico precoce é essencial. Tratar a doença sistêmica é mandatório e, a depender da quantidade de sangue, o tempo de demora reabsorvê-lo e possíveis lesões retinianas associadas, pode ser necessário uma cirugia ocular/vitrectomia.


Se você tem sintomas como embaçamento súbito da visão ou enxerga como se houvessem pequenas moscas voando nos seus olhos, agende uma consulta para uma avaliação detalhada de sua visão.


13 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo